Banda Rapsódia - Rádio Jaboticabal

Sintonia de Sucesso - Hidrolândia GO

terça-feira, 21 de junho de 2016

Banda Rapsódia


Conheça a historia de uma das bandas que marcara presença no Invasão Sonora dia 25 sábado, agora em novo local, pista de cooper em Hidrolândia

A Banda Rapsódia foi formada em fins de 2007. Três caras apaixonados por música, especialmente pelo rock, mas que só sabiam escutar música, não tocar. Somente o André, atual guitarrista, tocava violão e guitarra. 

O coitado do André insistiu muito pra que os outros dois, engenheiros, aprendessem a tocar pra formar uma banda de rock. Como assim? Aprender depois dos 30? Formar uma banda de rock depois de formados? Isso é coisa de adolescente! Mas de tanto insistir, o Moacir começou a aprender contrabaixo e o Alex a aprender bateria.

E daí começaram a maltratar os ouvidos dos amigos e parentes. Strokes, Audioslave, Pitty e Jet faziam parte do repertório inicial. O Moacir, que já escrevia poesias, começou a fazer umas letras, foram encaixando melodias e daí saiu a primeira música: Dois. Mas quem ia cantar? Os três bem que tentaram, mas logo viram que teriam que arrumar um vocal. De preferência mulher, e que fosse gostosa. A primeira foi a Danielle. Infelizmente o trabalho impediu a Dani de seguir adiante com banda. Ainda assim, nessa fase, mais algumas músicas foram criadas: Convite, Espera, Paisagem e Penumbra. 

Essa última foi abandonada, e ninguém mais sabe tocar. Detalhe: até então, a banda nem nome tinha. Vários nomes foram imaginados: Flying Dicks, Broken Kings, Alpha 3... O nome Ego-ístas chegou a ser adotado, mas logo foi deixado de lado. Havia também a sugestão insistente do Alex: Massagem na Próstata. Mas como se tratava de uma coisa muito particular, de foro íntimo (ui!), claro que ninguém mais aceitou. Daí conheceram a Helena, que já cantava. E a coisa foi melhorando. Os arranhões e batidas desgovernadas foram se tornando músicas. E os covers se sucediam: Luxúria, Legião, Creedence, Nirvana, White Stripes. 

E o som da banda foi se encorpando. A banda finalizou então as músicas próprias que já estavam escritas e criou mais três músicas: Maybe, Frances Bean e Some Things. No final de 2009, a Helena teve que voltar pro Maranhão (oxente!) e a Vânia entrou, trazendo sua experiência à sonoridade da banda, que agora batalha por um lugar ao sol, tarefa difícil numa cidade com tantas boas bandas de rock como Goiânia. 

O CD sai pela Alvo Discos ainda em novembro, e todos estão muito animados. O estilo da banda pode ser definido como um rock-mezzo-pop-mezzo-alternativo, mas todos procuram não se prender a estilos e rótulos, o que manda mesmo é o prazer ao tocar. Afinal, rock é pra ser curtido, com muita cerveja, atitude e prazer acima de tudo.

Vânia - Vocal; 
Bateria - Alex; 
Guitarra e vocal - André; 
Baixo - Moacir.


Ao longo dessa semana postaremos a historia de todas as bandas participantes do evento Invasão Sonora em Hidrolândia, fique ligado! 

Compartilhe:

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Coluna/Blog

radiosaovivo.net/

UPAH

UPAH | Cadela desaparecida

Por UPAH - 04/11/2017 | 14:00h Nikita desapareceu ontem de sua residência na Rua da Paca. Foi vista pela última vez pelas proximidades d...

Anuncio

Curta nossa página